1. Regras Gerais

[1.1] Não ofenda, xingue ou crie discussões desnecessárias com algum membro da comunidade ou algum jogador do roleplay. Trate todos com o seu devido respeito. Todos serão obrigados a serem honestos e razoáveis em todos os momentos, mentir para administradores ou moderadores durante uma entrevista ou dando informações falsas a respeito de um caso ou relatório, não será tolerado.

[1.2] Não toleramos racismo, violentação, sexismo, xenofobia, homofobia, bairrismos ou qualquer outro tipo de ação com conotação preconceituosa e que gera desavenças. Isso se aplica tanto à comunidade quanto ao roleplay, por isso, evite de criar personagens preconceituosos a fim de evitar ofender alguém.

[1.3] Dobre o respeito com a administração e moderação. Eles tem total liberdade de chamar a atenção de qualquer jogador ou membro da comunidade quando estiverem cobrando e fiscalizando as regras. Lembre-se de que eles, em sua maioria, estão trabalhando gratuitamente para ajudar a ordenar o servidor e manter a sua jogatina tranquila, então respeite-os pelo seu esforço não remunerado. Esteja dentro das regras e não seja perturbado.

DayzEmoteRendido.jpg

[1.4] Todos os membros devem se manter atualizados quanto à possíveis mudanças de regras no servidor, por isso, certifique-se da sua participação no nosso grupo no discord, pois lá postaremos a grande maioria das atualizações. Se quebrar alguma regra que foi mudada recentemente, você será punido por ela sem nenhuma desculpa baseada na “falta de informação”. Sendo assim, fique sempre atento!

[1.5] Nós temos tolerância zero em questão do uso de trapaças/cheats e modificações no jogo. Se você ver alguém usando de programas ilegais ou abusando dos arquivos do jogo, informe-nos o quanto antes para que você não seja pego como cúmplice e para que o indivíduo seja devidamente punido.

2. Áreas Hostis

Mapa de Áreas Hostis

Áreas hostis são aquelas onde as regras de "Valor à Vida" e "Kill-on-Sight" são extremamente importantes de se ter em mente, isto é, o jogador é possibilitado de matar qualquer outro jogador desde ocorrida de interações condizentes previamente.

[2.1] Ações iniciadas dentro da área podem ser terminadas fora da área desde que o jogador "fugitivo" não seja perdido de vista.

Por exemplo, um jogador está dentro da área vermelha/área militar e começa a atirar (tendo tido interação previamente estabelecida) em outro jogador. Aquele que está levando tiro sai da Zona Vermelha com o intuito de escapar da perseguição. Então o atirador pode persegui-lo fora da Área Hostil e matá-lo desde que não o perca de vista.

[2.2] É expressamente proibido obrigar alguém a entrar em Áreas Hostis ou levar alguém para lá simplesmente para poder matar sem ser punido pelas regras, inclusive reféns.

[2.3] Nas fronteiras de áreas hostis, se você estiver dentro dela e outro jogador estiver fora (área não-hostil), você não poderá praticar qualquer tipo de agressão, mesmo que com interações prévias. Assim como se você estiver fora e ele dentro, você também não poderá fazer nada contra ele. Tenha em mente que a fronteira é um ótimo lugar para se cometer erros então passe rápido por elas.

[2.4] Se você nasceu em uma área que, por um infortúnio é Área Hostil, aconselhamos que simplesmente corra para fora da área. Caso o seu personagem “recém-nascido” seja morto dentro da área, por algum tipo de sinistro ou ter entrado por acidente em algum conflito, e não tenha feito nenhuma interação, você pode continuar com ele, pois será dado como um indigente, sem história e sem nome, portanto, desconhecido. Para tanto, antes deverá avisar à administração.

[2.5] Áreas Hostis estão atualmente sempre sendo melhor trabalhadas e atualizadas, e é obrigação de qualquer jogador estar por dentro das mudanças dessas áreas. Serão todos alertados através do grupo do Discord com antecedência e o mapa será mudado.

  • As cidades e regiões que estão atualmente nas Zonas Vermelhas são: Base Militar de Tisy, Base Militar de Bogatyrka, Airfield, Base Militar Zaprudnoe, Base Militar Troitskoe, Airstrip Krasnostav, Base Militar Staroye.
  • As cidades e regiões que estão atualmente nas Zonas Amarelas e Verdes o personagem não pode ser morto, sendo as Amarelas permissíveis para atitudes agressivas não letais como assaltos e sequestros.
  • Grupo do Discord: https://discord.gg/nspyA6R


3. Denúncias

[3.1] Todo e qualquer jogador está apto e extremamente aconselhado a gravar ou transmitir ao vivo as suas interações com outros jogadores sem que haja o comprometimento do roleplay.

[3.2] Para que uma denúncia seja concretizada, você precisará ter em mãos algumas provas das quebras de regras. Para tanto, certifique-se de ter gravado toda a interação com o jogador que, em questão, pode ter burlado as regras. O material tem que estar completo, isto é, sem cortes, edições e com todas as cenas do contato em questão.

[3.3] Não acuse ninguém sem provas concretas. Se caso isso ocorrer, resultará ao acusador uma advertência valendo cartão. Isso serve para evitar “apontamentos de dedo” inconsequentes e sem fundamentos e, de quebra, dores de cabeça e incômodo.

[3.4] Você tem o direito de documentar qualquer quebra de regras com o intuito de desmascarar-lo.

[3.5] Você pode enviar o material de denúncia explicando o ocorrido por mensagem privada aos Administradores do servidor pelo Discord ou pode simplesmente esperar o atendimento em alguma sala de suporte.


Punições

  • Os banimentos podem ser recorridos após o período de punição. Não lembraremos de você, então nos procure e diga que o tempo já passou.
  • Os banimentos de um mês e o de sete dias serão aplicados de acordo com o julgamento da administração e juntamente com eles, o jogador levará um "flag" no Discord. Se caso esse jogador cometer mais um erro, ele será expulso da comunidade permanentemente.
  • A quebra de quatro ou mais regras de punição leve e mediana resultará em banimento direto permanente.


Banimento permanente da comunidade:

  • Usar alguma trapaça/cheat/modificação
  • Explorar e abusar dos defeitos, bugs e glitches do jogo
  • Duplicar equipamentos
  • Derrubar o servidor (Propositalmente)


Banimento por um mês:

  • Metagaming
  • Powergaming
  • Fazer Kill-on-Sight
  • Desrespeitar um administrador/moderador
  • Usar indevidamente o OOC
  • Deixar um refém em condições desumanas de sobrevivência


Banimento de sete dias:

  • Forçar Pvp
  • Tentativa de Kill-on-Sight
  • Praticar Bad RP
  • Fazer combat logging
  • Quebrar a regra de valor à vida
  • Desrespeitar um membro
  • Não respeitar a regra de nova vida


4. Regras do Role Play

[4.1] Você deve criar o seu personagem de acordo com a história do servidor e seguir a interpretação com base nela, tentando não cometer anacronismos e lapsos, não deixando espaço para um mau entendimento dos outros jogadores. O nome do seu jogador deverá ser composto e não pode ser nome de personagens já famosos na literatura, cinema ou vida real. Seja criativo.

[4.2] Nunca pare de interpretar. Faça o seu roleplay o mais dinâmico e natural possível e assuma riscos em função dele. Tente viver cada momento como se você estivesse realmente em um apocalipse. Faça a sua interpretação a sua maior arma. Lembre-se de que equipamentos você acha fácil, mas as chances de causar uma boa memória sobre o seu personagem, sendo ela maléfica ou bondosa, serão poucas.

[4.3] É estritamente proibido a criação de personagens psicopatas como forma de ter uma “desculpa” para cometer KoS. É claro, o seu personagem pode ter algum distúrbio, mas não está livre das regras que são para todos os outros personagens.

[4.4] É proibido qualquer tipo de contato sexual, estupro ou violência psicológica psicopata pesada dentro do roleplay, principalmente com as mulheres e personagens femininos. Todos esses itens podem ser feitos desde que haja consentimento do jogador que está sofrendo a ação atráves do “OOC”.

[4.5] Todo jogador tem a permissão de chamar atenção de outro quando estiver sofrendo ou se ofendendo realmente com a interpretação e pedir para parar com a interação pesada. Se caso o outro jogador continuar, um administrador deve ser chamado e o jogador estará passivo de banimento mediante provas, flagrante ou checagem no log.

[4.6] Não leve as interpretações negativas do roleplay para a vida real. Todos aqui somos grandes atores quando estamos jogando e nos preparamos para viver uma vida que não é nossa. Não confunda os personagens com as pessoas.

[4.7] Deixe os assassinatos para última ocasião e deixe a interpretação em primeiro lugar. Se for possível, sempre opte pelo roleplay. Tente sempre interpretar e achar, se necessário, um bom motivo para acabar com a vida de alguém. Lembre-se de que quando você mata alguém no roleplay, você também mata uma história.

[4.8] Não agir de má fé puramente em função de equipamentos ou de benefício próprio quebrando a linha de roleplay do seu personagem. Faça um jogo limpo e coerente.

[4.9] Não quebre nenhuma das regras que comprometam o roleplay, como as regras de Bad RP, KoS, Valor à Vida, Nova Vida, Powergaming, Metagaming, Forçar PvP, Refém, OOC e Combat Logging.


5. Regras de Funcionamento

[5.1] Bad RP

A tradução correta para o termo é “mau roleplay”, ou seja, quando você sai fora do seu personagem, seja agindo de forma incoerente ou falando coisas no VOIP que não condizem com a história e a realidade da trama.

O que fazer:

  • [5.1.1] Evite expressões usuais de jogo e outras expressões em língua estrangeira, como Airfield (aeroporto noroeste), Green Moutain (montanha verde), Devil’s Castle (castelo do diabo), Black Lake (lago negro), Loot/Lootear (equipamentos/procurar equipamentos), Bug/Bugar (interpretar na base do improviso de acordo com o bug), PvP (confronto), Deslogar (ir dormir, ir defecar, ir urinar, ir para outra cidade) e entre outras expressões que não são ditas normalmente na vida real.
  • [5.1.2] Lembre-se de que Chernarus é um lugar frio e que precisa que você use as suas calças, então não invente de andar sem uma por aí a fim de promover um reconhecimento baseado no simples PvP. Vista-se de acordo com a realidade do seu personagem.
  • [5.1.3] Usar o VOIP do jogo para comunicar erros no seu jogo. Qualquer que for o problema fora do roleplay, e até dentro às vezes, deve ser comunicado via OOC.
  • [5.1.4] Não usar do “Check Pulse” a não ser que o jogador em questão está infringindo alguma regra naquele instante. O “Check Pulse” tira a realidade da interpretação e pode facilmente estragar um roleplay baseado na mudança de identidade ou escondimento dela.

[5.2] Comunicação & OOC

Toda a comunicação deve ser feita em jogo e pelo Push-to-Talk do próprio jogo. Caso haja a necessidade de falar algo extra-roleplay, deve-se usar o OOC, que consiste em digitar no chat do jogo ou do Discord o problema que está ocorrendo com você. É necessário que o jogador utilize, ou a sigla “OOC” ou duas barras “//” antes do texto a fim de mostrar que se trata de uma mensagem extra-roleplay. Além disso, todos os jogadores quando estiverem jogando tem a obrigatoriedade de permanecer online na sala "In-game" do servidor do Discord com o áudio e microfone mutados. O uso de qualquer outro programa de comunicação, além dos acima mencionados será dado como Bad RP e o usuário será punido severamente. O Discord é utilizado como forma de ter um rápido acesso aos jogadores do roleplay em tempo real se algum problema vir a ocorrer.

O que fazer:

  • [5.2.1] Esteja sempre conectado ao servidor do Discord com o nome do seu personagem (apelido) em evidência. Os administradores e moderadores irão chamar a sua atenção se não estiver tudo certo.
  • [5.2.2] Não fale coisas desnecessárias no OOC. Use-o para dizer sobre uma urgência, para dizer que precisa sair, para dizer que necessita ir ao banheiro ou comer, ou para chamar atenção sobre alguma infração, preconceito ou ofensa.
  • [5.2.3] Não esteja utilizando qualquer outro programa de comunicação, como Skype e Raidcall e entre tantos outros que não te liguem ao jogo. Faça um roleplay extremamente focado nas ações concretas e preze pelo improviso.
  • [5.2.4] Você pode comunicar aos seus parceiros de roleplay ou combinar com eles do horário certo para logar e se encontrar.
  • [5.2.5] Se, por ventura, os personagens forem resetados devido a alguma mudança de “host” ou atualização, você poderá marcar o lugar de encontro com os seus parceiros e continuar como se nada estivesse acontecido com o fluxo de história.
  • [5.2.6] Você pode utilizar do chat do jogo para fazer ações que não são possíveis no DayZ. Para tanto, deverá escrever a ação entre asteriscos. Por exemplo, o meu personagem, Carlos, quer dar um abraço em outro personagem. Para isso, eu deverei escrever no chat: *Carlos dá um abraço em Daniel*, e os dois deverão interpretar como se estivesse ocorrendo a ação de fato.


[5.3] Killing-on-Sight

Também conhecido como KoS ou Sniping, tendo a definição de matar alguém antes mesmo de ter uma interação, sem um motivo aparente e plausível. São diversas as formas em que você pode matar uma pessoa, mas todas elas, precisam ter uma interação previamente estabelecida. São elas:

  • Se você estiver nas Áreas Hostis, a interação é necessária, a menos que a mesma tenha ocorrido préviamente ou sejam facções rivais.
  • Se você iniciar uma situação hostil com algum personagem, seja um assalto ou simplesmente um terrorismo e deixar absolutamente claro que a situação é perigosa e o indivíduo não cooperar com as suas exigências.
  • Se você reconhecer e tiver certeza de que o personagem do outro jogador fez alguma coisa muito ruim para você anteriormente, como assaltos, ameaças de morte e torturas e ainda tiver sede de vingança (a interação maldosa foi recente e ainda está quente, baseando-se em três dias na vida real).
  • Se você pedir para um jogador parar inúmeras vezes, tendo certeza de que o outro jogador ouviu, e a pessoa continuar o seu trajeto normalmente sem respeitar as suas exigências, incluindo veiculos.
  • Se estiver sendo assaltado e tiver a oportunidade de reagir para matar o ladrão sem que haja quebra de valor à vida.
  • Se observar uma ação hostil contra outro personagem e ter certeza de que ele, o refém, é realmente o mocinho da situação, você tem a permissão de interpretar bem o que está acontecendo e dar uma de herói.

Você pode matar um refém que não é conivente com as suas preferências e não respeita as suas ordens.

Se você estiver em algum veículo e alguém tentar pará-lo a força com uma arma e você tiver a chance de atropelá-lo.

O que fazer:

  • [5.3.1] Sempre tenha certeza de que está atrás da pessoa certa. Lembre-se de que se você matar por engano alguém errado, será julgado pela sua ação e punido firmemente.
  • [5.3.2] Não mate um refém durante um confronto. Se caso você fizer exigências pela vida do refém e ter noção de que o outro lado ouviu mas continuou a atirar contra você, você pode executá-lo.
  • [5.3.3] Não mate fora da Áreas Hostis.
  • [5.3.4] Você pode dar tiros de aviso aos jogadores que se recusarem de primeiro instante a seguir as suas ordens, desde que o tiro não seja desferido contra eles. Pegue o costume de atirar pro alto ou para o chão. Se caso acertar alguém e matar ficando evidente que foi erro seu, você será responsabilizado por isso. O tiro de aviso só pode ser dado após uma interação, nem que seja a mais breve delas, evitando assim a confusão entre tiro de aviso e tentativa de KoS.

[5.4] Refém

Essa regra protege o refém, pois ninguém pode morrer sem um motivo aparente. Aqueles que controlam a liberdade de suas vítimas precisam fazer de tudo para manter suas vítimas vivas e relativamente saudáveis. As vítimas só devem ser mortas se não cooperarem com as demandas depois de um tempo razoável ou se eles apresentarem uma ameaça direta para para quem está no controle. Os bandidos/sequestradores têm o dever de cuidar da vítima e deixar ela em condições de sobreviver.

O que fazer:

  • [5.4.1] Liberte a(s) vítima(s) com uma chance real de sobrevivência. Para tanto, providencie comida e bebida suficiente para que a vítima sobreviva enquanto estiver sob seu comando e para sobreviver após a libertação, se houver.
  • [5.4.2] Defenda o(s) refém(ens) de ameaças externas como infectados, animais e outros grupos que não estão relacionados ao resgate.
  • [5.4.3] Você não tem o direito de atirar em qualquer viajante que passe próximo ao cativeiro, mas pode avisá-lo. Se caso o viajante tentar dar uma de herói, você poderá matá-lo, ao contrário, deverá primeiramente pedir para que ele saia e depois terá a permissão de dar um tiro de aviso. Se caso não funcionar, aí então você poderá matar ele.
  • [5.4.4] Se você pretende torturar o refém, leve em conta que você terá de deixa-lo saudável no final de tudo. Portanto, você pode dar o que quiser para ele de comer, desde que no final entregue a ele os remédios necessários para curar a doença que virá. Também deverá reconstituir o sangue perdido se estiver muito drástica a situação.

[5.5] Valor à Vida

A regra de valor a vida tem como objetivo dar realidade ao jogo e tirar o foco da interação no PvP. Ela consiste em fazer com que cada um dê o devido valor à sua vida, simulando realmente a realidade, já que na vida real ninguém agiria em uma situação onde há certeza de morte.

O que fazer:

  • [5.5.1] Não haja de maneira alguma contra grupos que excedem o valor do seu grupo em três. Por exemplo, o seu grupo têm três pessoas e vocês encontram com um grupo de seis e eles abordam todos os três com armas potentes. Agir nessa situação seria quebra de valor à vida. É claro que você pode tentar agir de modo silencioso, mas se for abordado, o que lhe resta é obedecê-los. Também poderá agir se o grupo possuir armamentos que te permitem uma reação, como armas de briga (bastão, marreta, machado, faca, etc).
  • [5.5.2] Não desobedeça uma ordem direta em uma situação em que você tem certeza de que se machucará, morrerá ou saíra pelo menos com um tiro. Se você morrer durante uma abordagem é por que você deu brechas ou quebrou a regra de valor à vida e, por isso, será punido. Na vida real, com uma arma na cabeça ninguém arrisca a vida.
  • [5.5.3] Não arrisque a sua vida em um veiculo, isto é, se você estiver dirigindo devagar e alguém tentar te parar com a devida certeza de que você sairá machucado ou morto dos possíveis tiros e você não tiver a possibilidade de atropelar essa pessoa, você deverá parar o veiculo.

[5.6] Nova Vida

Quando você morrer, você deverá criar um novo personagem, com uma nova história e deverá “esquecer” absolutamente tudo da vida passada do seu personagem anterior. É claro, o nome também deverá ser diferente. Se a morte do seu personagem não foi vista por outros jogadores, você poderá retornar com o seu personagem, caso contrário, deverá de modo obrigatório criar um novo.

O que fazer:

  • [5.6.1] Você deve esquecer absolutamente tudo do seu personagem anterior e deverá tentar fazer com que os antigos pensamentos não influenciem na sua nova personalidade.
  • [5.6.2] Você não pode criar personagens que tenham laços parentais com o seu personagem morto com a finalidade de somente se vingar da morte dele. Isso evita que certos personagens sejam oniscientes.
  • [5.6.3] Você não pode voltar ao local da sua morte por duas horas. Isso evita que você interaja de modo grosseiro e rancoroso com as possíveis pessoas que causaram a sua morte.
  • [5.6.4] Se você morreu por um “bug” ou por “KoS” e o seu corpo já foi avistado por alguém, dependendo da situação, você poderá recorrer a vida do seu personagem sob julgamento da administração.

[5.7] Combat Logging

Fazer combat logging é basicamente deslogar durante uma interação com qualquer jogador. É estritamente proibido deslogar enquanto há uma interação em andamento, principalmente em situações hostis. Se caso ocorrer algum problema técnico, este deverá ser explicado para a administração e logo depois você deverá tentar continuar a interação com esse grupo. Se você precisar sair, deverá pedir permissão para os jogadores que você está tendo interação via OOC.

O que fazer:

  • [5.7.1] Diante de uma interação hostil, não deslogue por medo, encare a situação.
  • [5.7.2] Se ocorrer algum problema técnico e você estiver no meio de uma interação, volte o mais rápido possível e explique a ele via OOC o que aconteceu.


[5.8] Powergaming e Metagaming

Powergaming se refere a forçar uma ação, condição ou crença sobre o personagem de outro jogador além do que a mecânica do jogo permite (onisciência), ou fazer alguma ação que a mecânica do jogo permite, mas que fica totalmente fora da realidade. É um amplo termo, geralmente usado para definir qualquer estratégia, ação ou método usado em um jogo que transcende um conjunto de regras estabelecido, utiliza fatores externos para afetar o jogo ou ultrapassa os limites supostos ou ambiente estabelecidos pelo jogo. Já o metagaming é quando um jogador recebe informações que não deveria ter recebido de forma alguma dentro de roleplay, seja através de outros programas de comunicação, ou pelo grupo do Facebook, o que afeta drasticamente e indiretamente na personalidade e nas decisões do seu personagem.

O que fazer:

  • [5.8.1] Não bugar armas, equipamentos e barracas em lugares que não há acesso livre, como dentro de casas e igrejas.
  • [5.8.2] Não se utilizar de objetos concretos para tampar alguma passagem, como bolsas, fogueiras e etc. Fazer barreiras para veículos é uma exceção, desde que esteja em lugares abertos como estradas de asfalto.
  • [5.8.3] Não se utilizar de informações obtidas fora do jogo, sejam elas por meio do grupo do Facebook, do TeamSpeak 3 ou por qualquer outro amigo.
  • [5.8.4] Não dizer a localização do corpo do seu personagem morto para ninguém, nem quem foi o seu carrasco quando o acontecimento foi muito recente, pois isso pode modificar o roleplay induzindo o seu parceiro a quebrar regras e querer fazer “justiça” sem fundamento algum.
  • [5.8.5] Não siga streamers ou force um roleplay com alguém. Espere o acaso ou use o rádio para legitimar a sua ida em qualquer lugar.
  • [5.8.6] Não force nenhum status permanente em outros personagens sem permissão explícita. Isso inclui forçá-los a comer carne humana, engolir desinfetante ou qualquer outra coisa. Para poder fazer isso, você deve ter a permissão da pessoa ou tê-la como refém.


[5.9] Forçar PvP

É quando você fica forçando demasiadamente um jogador para que ele dê brechas na regra para que você tenha permissão de mata-lo. Se deseja matar um jogador, você terá que esperar ele dar motivos sozinho, levando a interpretação e o roleplay.

O que fazer:

  • [5.9.1] Não xingue, desrespeite, barre a passagem de alguém demasiadamente. Assim você demonstrará a vontade de ver o outro dar uma brecha para você poder matá-lo, e consequentemente forçará um PvP.
  • [5.9.2] Se passar por uma outra pessoa ou se inserir em um grupo de uma forma que causará danos para eles ou para a sua reputação, de modo a forçar os outros jogadores a entrar em confronto (PvP) pode resultar em forçar PvP e você será punido.

Conselhos e Dicas

O que vem a seguir são apenas dicas para um roleplay mais saudável. Não são regras e cabe a você achar que deve segui-las ou não.

  • Seja criativo com os seus personagens. A maioria dos personagens do roleplay são ex-militares ou alguém que já passou por um treinamento duro. Tente variar e criar um personagem mais usual, mais civil.
  • Evite permear por assuntos pelos quais o seu personagem não teve uma interação forte previamente, pois você pode se meter em uma encrenca grande e cometer alguma infração ou perder o personagem por besteira.
  • Se não quer parecer hostil, tente guardar a arma quando encontrar alguém que pareça confiável, assim você parecerá mais natural.
  • Não fique de um lado pro outro correndo como se estivesse desviando de um possível ataque de tiros. Isso é contra a realidade. No máximo caminhe de um lado pro outro, mas correr como um maluco é surreal.
  • Fale com normalidade, tente não parecer forçado e nem seja tão formal nas palavras, a não ser que o seu personagem represente tanta formalidade. Normalmente a formalidade e a fala certinha deixa o roleplay menos dinâmico e mais robotizado. Não tenha medo de dar um toque de você em seu personagem.
  • Evite trazer um personagem com uma história parecida do anterior. Mude um pouco, faça parte de novos grupos e conheça novas pessoas. A graça do roleplay é o acaso e ele pode ser magnifico quando usado.
  • Em uma interação hostil com outro jogador, tente ser paciente e não tão afobado. Quando você está armado e apontando para a cabeça de alguém, a regra de valor à vida te protege parcialmente, então mantenha o controle da situação e demonstre firmeza. Se caso a pessoa não respeitar as suas ordens, é aconselhável que faça uma breve contagem de um até cinco calmamente antes de atirar no indivíduo, desde que ele não esteja armado, é claro.
  • Tente evitar a quebra de roleplay de outros personagens, isto é, se alguém montou um posto de troca ou algo do tipo e você deseja roubá-lo, espere ele estar presente para fazer e não quando ele deslogar. Afinal, um posto de troca reúne pessoas e a reunião de pessoas pode trazer uma bela experiência. Faça um jogo limpo e que deixe histórias.
  • Tente criar laços com as pessoas e fazer grandes amizades. O roleplay é capaz de fornecer muitas parcerias para a realidade. Faça o seu personagem evoluir constantemente pelas experiências, sejam elas boas ou ruins.
  • Evite matar sempre que possível. As vezes escolher não matar alguém pode mudar muito mais o seu roleplay do que matar. Saiba escolher a hora certa de tirar uma história recorrente do servidor.
  • Crie um personagem com habilidades restritas. Dessa maneira, você se prenderá mais fácil às pessoas e a algum grupo, pois não terá as habilidades de plantar, costurar, medicar e entre outras habilidades juntas, desse modo, sempre precisará de alguém para fazer as diversas outras atividades, fortalecendo a união do grupo.
  • Explore ao máximo os recursos de sobrevivência que o jogo oferece. Plante, cace, use as expressões, use a criatividade para imaginar coisas diferentes e que causam surpresa. Procure acima de tudo a originalidade, dê caráter ao seu personagem.
  • Não se prenda aos equipamentos. Eles são fáceis de se conseguir. O difícil mesmo é conseguir uma interação inesquecível e uma boa história para mostrar aos outros jogadores.
  • Se alguém te der um murro, ou uma batida que vai de acordo com a interação, não fique desesperado e atire na pessoa logo de cara. Converse ou devolva o murro, ou comece uma briga de mãos.
  • Se o seu personagem sofrer algum ferimento grave, encene, grite, haja como se estivesse sentindo a dor dele. Se o ferimento for grave em partes como o braço, ou perna, tente inutilizar esses membros por um determinado período para deixar mais realístico.
  • Se está com dificuldades de encontrar alguém, arranje várias pilhas e deixe o rádio ligado sempre na primeira frequência. Assim você fará contato fácil.

    A equipe do Alexandria RolePlay não se responsabiliza pelo conteúdo postado pelos seus membros, e reserva-se ao direito de apagar ou remover qualquer mensagem ou reprimir qualquer ação que julgue desrespeitar as regras descritas acima. Lembre-se que este servidor não é um direito e sim um benefício. Ele é mantido de forma gratuita pelos seus administradores e desenvolvedores com os direitos autorais totais de Dean Hall e a equipe do DayZ. Se não seguir as regras dele, você será expulso. Caso não fique de acordo com nossas exigências, esteja, desde já, convidado a se retirar da comunidade e do servidor.

    Esta página de regras foi elaborada com base nas informações fornecidas pelo Zona Fantasma. https://zonafantasma2.wixsite.com/zonafantasma/regras-1
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.